Moradores do Campus da UFRRJ fazem reunião para resolverem problemas Residenciais e Urbanísticos

04/05/2013 16:47

 

Foi realizado no dia 03/05 uma reunião no Auditório do Gustavão entre a atual administração da UFRRJ com os funcionários moradores do Campus, Ecologia e INCRA para debater sobre a melhoria da qualidade de vida de seus Bairros.

O encontro foi uma iniciativa do Decanato de Finanças através da Pró-Reitora de Finanças Drª. Nidia, participaram da mesa como debatedores a Pró-Reitora Nidia, o Professor Humberto Quizure e o Secretário de Ambiente e Agronegócios de Seropédica Prof. Ademar Quintella. Que veio representar o Prefeito Martinazzo.

Os temas elencados foram: Segurança, esgotamento sanitário, coleta seletiva dos resíduos sólidos, Animais e zoonoses, moradias e acessibilidade. A pró-reitora de finanças informou sobre a quantidade de moradias utilizadas por funcionários da Rural e sobre o montante arrecadado com os alugueis mostrando o interesse da atual administração para direcionar estes recursos  na melhoria da qualidade de vida dos moradores. O Prof. Humberto informou sobre o Plano Diretor da rural e do levantamento realizado sobre as condições das residências em que foram encontradas mais de 30 % destas sem condição de habitabilidade com muitas em estado de queda eminente sendo sustentadas somente pelo telhado, tornando assim a necessidade de reformas urgentes nestas e na manutenção das outras, momento este em que a Pró- Reitora Nidia anunciou sobre a licitação para aquisição de tintas e caixas agua e que os funcionários deveriam fazer inscrição para receber o material . Quanto ao esgotamento sanitário o Secretário municipal e ex-morador do campus Ademar Quintella informou sobre a utilização de fossas sépticas e que com a instalação destas diminuiria o volume sobre a rede de manilhas existentes, pois esta sendo elaborado o plano municipal de esgotamento sanitário de Seropédica e que até junho estará pronto  e o Prefeito Martinazzo irá buscar recursos para a instalação de mais estações de tratamento para resolver definitivamente o problema , aproveitou para solicitar  o empenho da U.F.R.R.J na operacionalização do plano de coleta de resíduos sólidos, momento em que a Pró-reitora Nidia informou que a universidade poderia ser o polo gerador do inicio do plano municipal. Os funcionários solicitaram a reforma urgente das casas e uma melhoria do transporte, pois os que moram fora do campus têm dificuldades de chegarem ao trabalho devido ao trânsito e ônibus, momento em que o secretário municipal Ademar Quintella informou que a universidade deveria se dar mais ao município, pois tendo só uma entrada e saída sobrecarrega a estrada Rio São Paulo nos horários de fluxo ao trabalho, ¨já passamos o momento de namoro entre a universidade e a prefeitura e agora temos que partir para ações mais centradas e pensar que o município é Seropédica e a Universidade esta contida no município e deve sim participar deste de forma integral preservando sua autonomia mais não se excluindo deste, hoje temos Seropédica dividida em quatro partes em termos de acessibilidade, do lado direito e esquerdo da antiga rio são Paulo e antes e depois da U.F.R.R.J¨,concluiu o secretário.

Ao final deste primeiro encontro a Pró-reitora informou que as solicitações e contribuições da plenária serão atendidas dentro da medida do possível e que conta com o empenho da administração municipal nas questões ambientais e que deste encontro  deveram sair um novo tempo da melhoria da qualidade de vida dos moradores do campus Seropédica.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!