Maternidade e UPA em fase final de construção

15/05/2013 18:09

 

SAÚDE
Empreendimentos estarão finalizados até o final de junho deste ano

Seropédica já pode comemorar. A saúde será reforçada com dois novos postos médicos, a maternidade e a Unidade de Pronto Atendimento 24 horas. As obras estão em fase de conclusão, segundo o secretário de obras, Fernando Barros.  Ele afirma que os empreendimentos estarão finalizados em junho e que os atrasos ocorreram devido a entraves burocráticos de financiamento. “Tivemos alguns problemas de repasses financeiros, a construção da UPA, por exemplo, estava praticamente paralisada e agora retomamos o cronograma de execução”, justifica.

A MATERNIDADE terá estrutura para partos de complexidade normal, pré-natais e intervenções ginecológicas. (FOTO BRUNA RODRIGUES)

Os projetos prometem desafogar as unidades de saúde da cidade e dar atenção especial a gestantes e a casos de urgência.  De acordo com a zeladora da maternidade Celma Albano, a maternidade terá estrutura para gestações de complexidade normal, pré-natais e intervenções ginecológicas.  “As grávidas terão suporte durante e após a gestação, além disso, fomos contemplados com o programa rede cegonha que proporciona um parto humanizado”, explica Celma.
Para o eletricista Mauro Souza Ribeiro, os dois hospitais representam uma esperança de diminuição períodos de espera e melhoria nos atendimentos. “Há muito tempo queremos uma saúde melhor, acredito que ela está chegando”, anima-se.

Obras à vista
A UPA e a maternidade fazem parte de um número de projetos que alavancarão a qualidade de vida da população de Seropédica. Segundo o secretário de obras Fernando Barros, várias obras serão iniciadas até o final deste ano.
O programa de recapeamento Asfalto na Porta de Casa é um deles e já começou a ser executado no bairro Boa Esperança, no km 49.

CORREDORES DA maternidade já estão com instalações e pintura adiantadas. (FOTO BRUNA RODRIGUES)

Além disso, o plano Meu Bairro Novo, de saneamento básico e asfaltamento, será aplicado em São Miguel, no Jardim Maracanã e em praticamente todo o km 40. Para Barros, a meta é proporcionar mudanças significativas na realidade dos seropedicenses. “Nosso objetivo é que até o final do governo as pessoas não reconheçam o bairro em que moram”, afirma.

FOTOS DA UPA LUIZ CALDERINI


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!