MARTINAZZO SE ENCONTRA COM ESPIRIDIÃO AMIM PARA SOMAR FORÇAS CONTRA COBRANÇA DO PEDÁGIO

15/04/2013 20:32

 

Nesta última quinta-feira (11) o prefeito de Seropédica Alcir Fernando Martinazzo se reuniu em Brasília com o Deputado Federal Espiridião Amim com o objetivo de somar forças contra a cobrança da tarifa de pedágio para quem mora ou trabalha no município em que se localiza a praça de pedágio.

O projeto de lei de autoria do deputado Esperidião Amin (PP-SC) estabelece a isenção do pagamento de pedágio a moradores que comprovarem residência ou exercem atividade profissional permanente no município em que esteja instalada a praça de cobrança de tarifa de pedágio

De acordo com Espiridião Amim não é correto que moradores paguem pelo uso de uma rodovia dentro dos limites do município onde moram. Na justificativa do projeto Amin acrescentou que a simples decisão de localizar uma praça de cobrança de pedágio em um determinado município pode comprometer seriamente a competitividade das atividades econômicas nele localizadas e, por conseguinte, a competitividade do próprio município.

Martinazzo declarou ser de fundamental importância que este projeto seja logo aprovado e colocado em prática imediatamente para o bem da população, do comércio e das indústrias.

O Prefeito afirmou que sempre lutou para que os moradores de Seropédica fossem isentos de pagar os pedágios instalados na cidade. “Iremos lutar pela aprovação no Senado Federal, este projeto sendo definitivamente aprovado, resolverá um grande problema da nossa cidade. Continuarei como um soldado na luta pelo fim da cobrança do pedágio para os moradores e trabalhadores de Seropédica”, garantiu Martinazzo.

Wilson Beserra, secretário de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável de Seropédica, destacou os benefícios que a aprovação desta lei trará para o desenvolvimento da cidade. Esta lei sendo aprovada irá facilitar a vinda de novas empresas para a cidade, pois diminuirá o custo no transporte de mercadorias. “Um dos problemas mais comuns diz respeito ao ônus desproporcional que pesa sobre a população dos municípios onde se instalam as praças de cobrança de pedágio. Essa população é penalizada economicamente em seus deslocamentos diários, para trabalhar, estudar ou fazer compras, muitas vezes no âmbito do território do próprio município”, disse.

Wilson Beserra afirmou que por determinação do prefeito acompanhará o desenvolvimento deste projeto e entrará em contato com os Senadores do Rio de Janeiro para ajudar nesta empreitada. “Esta Lei sendo aprovada no Senado irá beneficiar a população de Seropédica, principalmente quem precisa passar pelo pedágio diariamente”, finalizou.

O secretário de Comunicação, Turismo e Eventos Thiago Ribeiro acompanhou Martinazzo no encontro em Brasília e também se comprometeu em articular a favor do Projeto de Lei.

Para se beneficiar da isenção, o proprietário deverá ter seu veículo credenciado periodicamente pelo poder concedente do serviço de pedágio e pelo concessionário, conforme procedimentos a serem fixados em regulamento.

Esse benefício valerá também para as rodovias federais que tenham sido concedidas à iniciativa privada, após delegação da União para estados, Distrito Federal ou municípios.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!